domingo, 3 de março de 2013

Mas já que se há de escrever/Clarice Lispector


“Mas já que se há de escrever, que ao menos não esmaguem as palavras nas entrelinhas”.




LISPECTOR, Clarice. Mas já que se há de escrever. In: Idem. A descoberta do mundo. Rio de Janeiro: Rocco, 1999. p. 201.

Naiana Freitas,03 de março de 2013.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada!!!