sábado, 12 de julho de 2014

Vexame, para quem?

Penso que somente os “brasileiros” acreditam que a seleção brasileira joga bola! Os sete gols foram um exagero, concordo. Nem eu, uma brasileira ás avessas esperava uma goleada dessas. Mas, enquanto todos os brasileiros lamentam pelo vexame e procuram respostas ao fracasso...
Eu não!  Por dois motivos: primeiro não torço pela seleção brasileira desde os 10 anos, logo, não é “modinha”... É sólido; depois a seleção brasileira se mostrou tão volúvel a minha não torcida, por isso senti uma urgência em exercer minha Oposição. E, para mim existe um descolamento entre “BRASIL” e “SELEÇÃO BRASILEIRA”, elementos diferentes que se associam, mas não são iguais. Sou tão Brasil que percebo como estamos doentes... Estamos morrendo... Sem precisar de homem-bomba ou “Jihad”...
Não fiquei triste nem um pouquinho. Diante de uma encenação tão cômica como chorar? Dizem por ai, que diante dos períodos mais turbulentos a comédia se tornou tão forte como a tragédia... Qual a vantagem da primeira? Trazer o riso... E como nos dizia Aristóteles ela retrata sempre os homens piores do que são realmente. Eu não sei se tão piores, mas acho que tão iguais... Depois, acho que não é tragédia, porque se fosse estaríamos refletindo sobre isso, posição que não nos encontramos... Quem sabe na Rússia... Mas, lá o frio congelará as pernas dos heróis brasileiros... E sem o craque maior, que terá problema no dedo mindinho a seleção desde pelo ralo...
Para os brasileiros que creem que a seleção joga bola... Só posso dizer: Meus pêsames!  Porque se vocês sofrem por um vexaminho desses, não suportariam encontrar pelas esquinas do Brasil a nossa humilhação diária. Que eu vejo todos os dias, nesta minúscula cidade chamada Salvador! Naturalizamos “de um tudo”, então nada nos causa desgosto não... Tudo é normal, e o que deveria ser normal, não é, é extraterrestre! E, considero o mais simples da normalidade o respeito: à sexualidade, religião do outro... E cor da pele? (perguntarão uns) para mim nem deveria ser o nosso problema...Todo mundo feito do mesmo barro, do mesmo excremento.  
Vexame é esquecer que o outro do seu lado é brasileiro...
Ah, e viva aos holandeses!!
Vocês foram a energia nessa copa, com essa intensa cor laranja! (que amo!)
http://elaseodesporto.blogspot.com.br/2012_06_01_archive.html



Naiana Freitas, 12 de julho de 2014.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada!!!